quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Nossa vontade X Vontade de Deus

Todavia, como está escrito: "Olho nenhum viu, ouvido nenhum ouviu, mente nenhuma imaginou o que Deus preparou para aqueles que o amam"; 
1 Coríntios 2:9

  Muitas vezes acontecem coisas na nossa vida que pensamos ser da vontade de Deus, temos a plena convicção, colocamos versículos bíblicos a nosso favor, falamos como se Deus já tivesse nos dito que "aquilo" era realmente da vontade dEle ( e as vezes até dizemos que Ele nos falou) e derepente vemos que não era da vontade de Deus.
  Isso aconteceu comigo, eu postei um aviso contando que iria começar a trabalhar e que consequentemente as postagens iriam diminuir, eu estava certa de que aquele emprego era de Deus, imaginando uma série de coisas que eu iria fazer naquela empresa e não apenas pensando no salário (que também iria ser uma ajuda). Eu estava muito feliz, e quando contei a algumas pessoas mais chegadas como família, amigos e líderes alguns deles já me disseram para não aceitar, que em breve poderia conseguir outro e etc. Mas eu estava convencida de que o que estava acontecendo era da vontade de Deus, e sonhava e elaborava planos sobre isso, enfim o primeiro tão esperado primeiro dia de trabalho chegou, e para meu espanto ( e confirmação para os meus próximos) apesar de eu ter me dado muito bem, ter vendido bastante eu não gostei de trabalhar lá, simplesmente não gostei, e minha mãe me proibiu de trabalhar lá por uma série de pequenos detalhes que acabam se tornando grandes detalhes.
  Logo nas primeiras horas de trabalho percebi que aquilo não era de Deus, e que Ele estava usando minha mãe, líder e amigos para me avisar disso, mas eu ignorei e cri tanto na minha vontade que confundi minha vontade com a vontade de dELe.
  Até que isso é normal acontecer em nossa vida, queremos tanto uma coisa que até achamos que aquilo é da  vontade de Deus e ignoramos os avisos de pessoas mais experientes e enviadas por Deus para nos advertir, mas não podemos deixar isso acontecer.
  Sei que não é fácil e que essas coisas acontecem sem a gente perceber, somos enganados pelas nossas vontades, pela nossa carne. É difícil reconhecer isso pois na maioria das vezes não queremos admitir que estamos errados, que somos falhos e ainda temos falhas em nosso caráter que precisam ser corrigidas, mas todo mundo tem falhas e admitir o erro já é um bom começo.
  Temos que aprender que nem todas as coisas que acontecem na nossa vida são realmente de Deus, é claro que nada acontece sem a permissão dele, e certas coisas acontecem como consequência de um ato nosso, mas isso não quer dizer que seja da vontade de Deus.
  Como aconteceu comigo, eu fui indicada por uma amiga, fiz a entrevista e consegui o emprego, mas isso não significa que era da vontade dEle ( e não era).
  Depois que admiti meu erro para minha mãe, é claro que ela não pode deixar de falar : " Viu, quando a mãe fala é porque ela sabe, o que eu disse para você? Não vai. Mas você quis ir...Está vendo quando uma mãe fala ela não está errada."
  Precisamos tomar muito cuidado para não confundir a nossa vontade com a vontade de Deus, isso pode trazer consequências desastrosas para a vida de um cristão, a mais comum que vemos por ai é quando alguém se apaixona por uma pessoa que qualquer um já sabe que não é da vontade de Deus aquela união, todos veem isso menos quem está apaixonado, e por uma série de acontecimentos essa pessoa se desvia dos caminhos do Senhor. Quantos desse caso você já viu?
  Mas então você me pergunta :
  "Dani, como podemos diferenciar a nossa vontade da vontade de Deus?"
  SIMPLES! Com oração e leitura da Bíblia! Temos que diminuir, para que Deus cresça em nós


É necessário que ele cresça e que eu diminua. 
João 3:30


Temos que mortificar a nossa carne, com isso os nossos desejos carnais e os que não são de Deus vão sumir ou diminuir e a voz de Deus ficará mais audível para nós.


"Vá, santifique o povo! Diga-lhes: Santifiquem-se para amanhã, pois assim diz o Senhor, o Deus de Israel: Há coisas consagradas à destruição no meio de vocês, ó Israel. Vocês não conseguirão resistir aos seus inimigos enquanto não as retirarem. 
Josué 7:13


Não esquecendo de ouvir e ponderar os conselhos que autoridades na nossa vida como pais e líderes dão para nós.


Os conselhos são importantes para quem quiser fazer planos, e quem sai à guerra precisa de orientação. 
Provérbios 20:18


Admitir o erro é o primeiro passo, o resto é pedir perdão para Deus e seguir as orientações dele.
Aprendi a lição e vou guarda-la no coração para daqui para frente "ficar mais esperta" para não cometer o mesmo erro.

Deus abençoe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário