sexta-feira, 19 de julho de 2013

O amor


  A verdade é que passamos bom tempo imaginando como seria amar assim como nos filmes, e até mesmo imaginamos isso com pessoas que poderia dar certo, gastamos até mesmo finais de semanas em que poderíamos estar com amigos em algum lugar nos divertindo imaginando como seria viver um amor de cinema. Porém isso não nos leva a nada, a não ser perda de tempo, ganho de peso e algumas até se tornam aquelas mulheres chatas e amarguradas que reclamam de tudo o tempo todo.

  Comigo aconteceu assim, quando eu menos imaginei o amor apareceu, de alguém que eu nunca tinha imaginado ser possível, e nossa história tem sido muito melhor do que a de todas que um dia pensei. Aprendi a ser menos rabugenta, a me encantar por somente uma pessoa, achar esse alguém o mais bonito de todos mesmo quando ele está com um shorts velho, acompanhado de um chinelo com meia, aprendi que o bonito da vida são as coisas simples e a viver cada momento sabendo que ele não irá voltar atrás.

  Comecei a perceber também que quando há amor entre duas pessoas vocês começam a fazer planos para o futuro, e os dias que passam separados, mesmo que sejam dois ou três parecem anos, e que a cada despedida o coração fica mais apertado, então você vê que os seus planos de viajar pelo mundo sozinha com uma mochila nas costas ficou de lado e que sua maior prioridade e desejo no momento é juntar dinheiro para comprar sua casa, descobre que os planos que você traçou quando mais nova na verdade não passam de uma brincadeira, um sonho juvenil e que quando se torna adulto a vida é bem diferente, porém não é ruim, ela supera seus melhores sonhos.

  Com o tempo você trabalha não porque você quer, ou porque quer comprar aquele vestido bonito que seus pais não querem te dar, mas porque você precisa, pois você já está com idade suficiente de pagar suas contas e mais que isso, você trabalha e até mesmo chora de estresse porque quer construir um bom futuro, mesmo sendo difícil e por muitas vezes doloroso você tem a sua motivação, o sonho de ser feliz com seu amado, pois afinal as despedidas são muito dolorosas e vê que não tem nada melhor do que estar ao lado dele, mesmo que seja comendo a sua comida que não é tão boa quanto a da sua mãe.

  Por fim, concluo que o amor nos torna pessoas melhores, e estou disposta a amar cada dia mais.

terça-feira, 16 de julho de 2013

Seleção de músicas

  Olá queridas, tudo bem?

  Para agitar a sua terça e te dar aquele animo que tal ouvir uma seleção de músicas?

Jason Mraz-I'm yours

Jason Mraz-93 million miles

Glee-one love

Jorge e Mateus-flor


segunda-feira, 15 de julho de 2013

Sou eu sem você


  Não entendo como as horas passam depressa quando estou com você, como tudo parece mais alegre, e até mesmo colorido quando estamos juntos, tudo parece que dá certo quando estamos juntos, como estar em um parque e um mendigo começar a tocar violão e cantar maravilhosamente bem músicas do rock internacional, horas e até mesmo dias passam voando, mas quando chega o momento de nos separar (e como dói esse momento), os dias passam lentamente, confesso que talvez a culpa seja minha que conto os dias e até mesmo as horas que faltam para te ver novamente.

  Segundo o relógio as horas passam iguais, uma hora sempre tem sessenta minutos, porém quando estou com você isso parece mudar.

  Acho que finalmente entendi o que minhas amigas que noivavam me explicavam. Elas me diziam que chega um momento da vida e do relacionamento em que você quer estar mais tempo junto a ele, que quando você chega em casa sozinha, vê que aquela continua sendo a sua casa, mas agora sente mais do que nunca a necessidade de ter um lar. Chega o momento em que se despedir do amado passa a ser uma missão cada vez mais difícil, o coração fica apertado, triste e a cada despedida destaca-se mais a necessidade de se ter um lar, um novo lar, para que não haja mais despedidas.

  Hoje entendo que esse sentimento é algo natural da vida, que todos que amam terão que passar, mas como tudo na vida, temos que enfrentar os maus momentos e saber esperar pelo momento certo de se ter um lar, e é claro, trabalhar (e muito) para tornar o nosso sonho realidade.

  Enquanto espero esse momento chegar, infelizmente continuarei sentindo a sua falta e ficando triste a cada despedida, mas isso só me dá motivos para te amar cada vez mais e mais e esperar por dias melhores ao seu lado.

domingo, 7 de julho de 2013

Dani Fernandes, gente como a gente

  Bom dia queridas, tudo bem?

  A moda entre os blogs é fazer um lookbook ou um look do dia, eu nunca fui muito fã dessa ideia, apesar de ficar babando nas roupas das meninas. Mas a verdade é que nem todo mundo anda por ai sempre com roupas de marcas e tem aquele corpo escultural e pensando nisso fiz uma seleção de fotos minhas que achei perdidas no meu computador para mostrar a vocês fiéis leitores que eu também sou gente como a gente.





  Eu optei por vestir um estilo mais sério pois no trabalho não posso ir vestida como uma menina de 15 anos, acabei gostando do estilo e usando ele sempre. Não sou nenhuma modelo e nem tenho o corpo "perfeito" vivo sempre engordando e emagrecendo e mudando o corte do cabelo mas me sinto bem como eu sou e espero que com este post muitas meninas que ficam tristes por não ser como uma it girl aprendam a se aceitar como são.

  Isso é papo sério, não é novidade para quem acompanha o blog que eu sempre escrevo algo falando em como o "corpo ideal" ou "estilo ideal" tem machucado centenas de meninas no mundo todo.

  Sou baixinha e em alguns tempos gordinha sim, e eu me amo.

  E você?

quinta-feira, 4 de julho de 2013

Filme: Meu namorado é um zumbi


  Você provavelmente deve ter ouvido falar nesse filme que esteve a pouco tempo nos cinemas, confesso que por muito tempo me neguei a assistir, pois nunca gostei de assistir coisas de zumbi, sempre achei algo muito sem sentido, até mesmo para o cinema, quanto mais uma garota que namora com um zumbi.

  Meu namorado assistiu o filme e indicou para assistirmos juntos, confesso que estava sem um pingo de vontade e mesmo com ele afirmando que o filme era legal eu ainda não acreditava nesse hipótese de um namoro entre uma humana e um zumbi que come cérebro fosse algo divertido de assistir.

  Pois bem, assisti o filme e adorei. Na verdade a história não era tão absurda quanto eu pensava.

  O zumbi principal, chamado de R pois ele não lembra o seu nome, após muito tempo vivendo na cidade devastada e comendo cérebros voltou a pensar, fez de um avião sua casa, e começou a pensar no amor, em seu tempo como humano e tentava se lembrar de quando estava vivo. A garota (não lembro o nome dela) fica com os últimos humanos em uma parte da cidade que não foi afetada, cercada por muros, e seu pai é uma espécie de chefe que comanda tudo por lá, ela vai com alguns outros jovens a cidade para pegar mais remédios, porém enquanto eles estão no local são atacados por zumbis, R come o cérebro do namorado da moça e vê as lembranças dele com a garota, despertando ainda mais os sentimentos humanos que já estavam sendo despertados nele. R esconde a garota e a leva até sua "casa", e cuida dela.

  Durante o filme eles não são namorados, ele gosta dela pois o "efeito zumbi" está se desfazendo, ou seja ele está cada vez mais humano, enfim...a história vai rolando e eles só namoram mesmo no final. O que para mim foi algo muito aceitável porque não dá para namorar com um zumbi né gente? Além dele querer o tempo todo comer seu cérebro (eca) o bicho ainda fede para caramba.

  Se você estava como eu, achando que o filme conta uma história absurda e sem noção, agora já sabe que a história não é tão maluca assim, eu recomendo o filme. Não é uma produção como a de Harry Potter, maaaaas ainda assim é bom de assistir.

  Confira algumas fotos do filme:


A garota fingindo ser zumbi
R  (de vermelho) trazendo a garota para a sua "casa"


R já quase humano

Quando R descobre que voltou a ser humano após levar um tiro do pai da namorada


Voltar ao lar, a house is not a home


  Sonho com o dia em que poderei voltar para casa, para minha verdadeira casa, de onde por um pecado de meus ancestrais tive que sair, como se diz no inglês "cause a house is not a home" (pois uma casa não é um lar), sonho com o dia de voltar ao lar, quando deixarei para trás todos os sofrimentos e angustias dessa vida mortal e passageira para viver com Você a eternidade, o dia que nunca terminará.

  Deixar para trás minha mortalidade, as doenças, as mágoas, fome, frio, tristeza, estar novamente em meu lar, lugar de onde nunca devia ter saído, assim como o filho pródigo sei que serei recebida com uma grande festa e essa festa irá durar um dia todo, e um dia na eternidade nunca tem fim.

  Como será maravilhoso poder cantar louvores por toda a eternidade, sem me cansar, a voz falhar ou sentir fome ou sono, como será maravilhoso não me preocupar mais com as pessoas a minha volta que estão aflitas e doentes, será maravilhoso saber que não será necessário mais sonhar com um amanhã melhor pois estarei vivendo a melhor coisa que pode existir.

  Até parece um sonho bom, poder estar com você por toda eternidade, sem dor, sem necessidades, apenas louvando com todo o meu folego para sempre, parece um sonho, mas sei que isso é uma realidade que se cumprirá em breve, seja com a morte de meu corpo físico ou com a Sua volta.

  Ninguém sabe o dia e nem a hora que isso acontecerá, enquanto isso, assim como as noivas encho-me com óleo santo para minha vela jamais se apagar, amo e ajudo o próximo como eu posso para que eles também tenham a eternidade ao Seu lado.

  Palavra nenhuma pode descrever o quanto eu O amo, é um amor tão forte, como a água do oceano em uma tempestade, não somente uma escolha de amar-Te, mas também uma necessidade. E é esse amor que me faz continuar e esperar pelo momento de voltar ao lar, pois afinal as aflições dessa vida não podem se comparar com a eternidade ao Seu lado.

terça-feira, 2 de julho de 2013

Onde ir: Zé do Hamburguer


  Ótima noite queridas leitoras, espero que estejam bem.

  Esse post é para quem ama hamburguer e não liga para as calorias, eu fico impressionada com a quantidade de pessoas que ainda não conhecem o meu querido e amado Zé do Hamburguer, ele é uma hamburgueria que é inteiramente decorada aos anos 40, quando digo inteiramente eu quero dizer que TUDO lá tem como o tema os anos 40, até mesmo a programação que passa nas tvs, que também são customizadas, lá tem até mesmo (na loja maior da rua Itapicuru) tem um Ford (acho que é 51) em cada andar, e várias motos espalhadas, as meses são diferentes e na maioria delas tem aquela box de música que vemos em filmes antigos.

  Mas ainda melhor do que toda a decoração e o ambiente cheio de gente legal, são os os pratos, todos eles com receitas exclusivas, desde o Zé Burguer (o lanche mais tradicional) até uma Coca-Cola com sabor.

  Confira aqui o site http://www.zedohamburger.com.br/ e também o cardápio.

  A maior loja fica na R. Itapicuru, 419-Perdizes, São Paulo-SP

  E a outra fica na R. Caiubi,1450-Perdizes, São Paulo-SP

  Confira abaixo algumas fotos de lá.











  O preço por lá não é como o do MC Donalds, mas te garanto que os lanches, sobremesas e entradas são maravilhosos e vale muito a pena pagar!

  Caso não tenha visto, no site (coloquei o link no início do post) tem o preço dos pratos.

  Hummmmm...deu até fome.

Quando a beleza estraga


  Olá queridas, tudo bem?

  Depois de alguns dias sem postar aqui, cá estou eu novamente, dessa vez para falar sobre vulgaridade. Essa palavra que até parece um palavrão é muito comum em nosso dia a dia, não é necessário nem sair de casa para ver um grande espetáculo de vulgaridade, mulheres que são sim bonitas mas que estragam sua beleza por serem vulgares, seja através de roupas ou com atitudes.

  Na minha opinião, pior do que andar por ai com micro vestidos ou decotes extravagantes, é você ter atitudes vulgares e totalmente desnecessárias, quem já não pode comprovar que a tese "piriguete não sente frio" é a mais pura verdade? O inverno chegou a poucos dias, e quem mora em São Paulo como eu está vivenciando dias muito frios que dá vontade de dormir o dia todo, e não é difícil de encontrar por ai um ser com blusa agarrada e decote morrendo de frio mas sem colocar um casaco para não "estragar a produção", algo totalmente desnecessário.

  É triste ver garotas e mulheres LINDAS comportando-se como o tipo de "mulher ideal" que a mídia anuncia, a mulher que é devassa, seduz todos os homens, deixa eles comendo na palma da sua mão, independente, sem compromisso e quase sem roupas.

  A maioria dessas mulheres que eu conheço buscam na verdade alguém que cuide e as ame de verdade, e não seja como os outros homens que apenas as usaram. Mas como conseguir um assim?

  A propaganda é a alma do negócio, ela determina o tipo de público que deve ser atingido, andar por ai como uma piriguete ou ser uma mulher que quer seduzir todos os homens do planeta irá atrair em maior parte pessoas que buscam realmente esse tipo de mulher, que não estão interessados em compromisso.

  Me diga, como quer ser respeita e amada por algum homem se você não se ama o quanto deve e muito menos se respeita?

  Comportar-se de tal maneira querendo seduzir todos os machos da Galáxia demonstra uma enorme insegurança e carência, que pode ter diversas causas, porém a questão é: VOCÊ MULHER, PRINCESA DE DEUS NÃO TEM QUE SE COMPORTAR COMO UMA PANICAT, OU QUALQUER OUTRO MODELO DE MULHER IDEAL QUE A MÍDIA PREGA, NÃO PRECISA SER TÃO MAGRA, NÃO PRECISA TER BUNDÃO, MUITO MENOS USAR ROUPAS QUE MOSTREM TODAS AS SUAS CURVAS, A MULHER IDEAL É AQUELA QUE A BÍBLIA DESCREVE, É A VERDADEIRA BELEZA DA QUAL NÃO SE ABALA COM O TEMPO E ATRAI BENÇÃOS PARA A SUA VIDA, ACORDA, VOCÊ É PRINCESA E NÃO PROSTITUTA.

A beleza de vocês não deve estar nos enfeites exteriores, como cabelos trançados e jóias de ouro ou roupas finas.
Pelo contrário, esteja no ser interior, que não perece, beleza demonstrada num espírito dócil e tranqüilo, o que é de grande valor para Deus.
Pois era assim que também costumavam adornar-se as santas mulheres do passado, que colocavam a sua esperança em Deus. Elas se sujeitavam a seus maridos,
como Sara, que obedecia a Abraão e lhe chamava senhor. Dela vocês serão filhas, se praticarem o bem e não derem lugar ao medo.

1 Pedro 3:3-6

Como anel de ouro em focinho de porco, assim é a mulher bonita, mas indiscreta.


Provérbios 11:22-23

  Deus abençoe vocês.