terça-feira, 31 de dezembro de 2013

Dani Fernandes e Cortando as Tranças nas redes sociais!

  Pessoal, além do blog eu mantenho algumas outras contas na internet.

  Curtam a página do blog no Facebook e mantenham-se atualizados :

https://www.facebook.com/CortandoAsTrancas?ref=hl

  O meu twitter pessoal é https://twitter.com/DaniPFernandes mas confesso que não estou usando muito pois criei uma conta no Instagram e no momento ele tem sido mais interessante.

  Podem me encontrar no Instagram como @danipfernandes3 ou acessa-lo pelo link: http://web.stagram.com/n/danipfernandes3/

Meu 2013


  Olá queridos leitores.

  Esse ano de 2013 foi um ano de muita luta, estresse, e por algumas vezes houve momentos de muito choro, porém creio que essas coisas ruins me ensinaram a valorizar ainda mais as coisas boas. Eu aprendi o verdadeiro valor do trabalho, como é bom se firmar em um emprego e poder conquistar as coisas que você sempre sonhou em ter, desde um guarda roupa abarrotado de roupas novas a me dar o luxo de comprar uma televisão de 50 polegadas para meu quarto.

   Mas dentre todas as coisas o que mais me marcou esse ano foi o amor, o amor cresceu e amadureceu das mais diversas formas, desde amando minha mãe incondicionalmente, meu relacionamento com meu namorado amadurecendo e amar minha pequena coelha Lili de maneira simples assim como ela me ama demonstrando com pequenos gestos mas de grande valor.

  Sei que estive ausente esse ano por aqui, mas é que realmente esse ano não foi fácil para mim, e como não estava com inspiração para escrever não quis postar qualquer coisa aqui apenas para "encher linguiça".

  Eu estou muito esperançosa quanto ao novo ano, 2013 tem terminado como um capítulo de um livro que deixa você morto de curiosidade para saber o que vem depois.

  Desejo a todos vocês leitores muita paz, amor, sonhos, disposição e dinheiro.

  Feliz 2014!

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

O que aprendi sobre amor com o passar do tempo

  Nesse mês eu e meu namorado completamos um ano e um mês juntos e posso perceber a mudança no nosso relacionamento, não entramos na mesmice, pelo contrário nosso amor só aumenta e junto com ele a confiança e amizade andam de mãos dadas.

  Estamos vivendo novas experiências boas e ruins, boas como olhar nos olhos do outro e saber que o ama e ter certeza do que quer para o futuro, ruim quando por algum motivo discutimos e apesar do orgulho gritar para que você continue a brigar optar por pedir perdão e encerrar a discussão.

  A saudade quando estamos longe ainda não diminuiu, pelo contrário só aumentou e a vontade de ficar juntos de verdade, de ter nossa casa e casar aumenta a cada dia, o que nos faz ter mais responsabilidade financeira, trabalhando e economizando.

  Enfim, sinto que finalmente estou me tornando uma adulta e estou muito feliz com isso, pois tem acontecido mais naturalmente do que eu esperava.

  Caminho com calma, um passo de cada vez para não pisar em falso, e apesar das dificuldades que enfrento ao confrontar meu eu todos os dias para ser uma pessoa melhor,sigo caminhando com fé de que amanhã será um dia melhor.

terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Quando o esporte torna-se mais do que uma necessidade -parte 2

  Olá pessoal!

  Algumas semanas atrás eu postei sobre ter uma vida mais saudável com exercícios físicos e com alimentação correta, apresento a vocês o resultado que isso causou não só em meu corpo mas também na minha saúde.
 
  Para quem não leu o post, pode conferi-lo aqui.

  Graças ao estresse do dia a dia acabei ficando com enxaqueca e como a médica recomendou comecei a fazer caminhadas regularmente e deixar de comer besteiras na rua, passando a comer somente comida caseira e quase eliminando doces do meu cardápio. Não vou dizer que isso foi algo prazeroso de se fazer, ainda mais gostando tanto de comer a coxinha da tia chinesa que tem no centro de São Paulo quase todos os dias e comprando doces de inúmeras docerias espalhadas perto do meu trabalho, como não sou de ferro permiti-me comer esse tipo de besteiras como coxinha, refrigerante ou sorvete apenas de final de semana e em quantidade beeem menor do que eu costumava comer.

  Para ser sincera, parei de contar depois que perdi dois quilos, e sinceramente só percebi que estava melhorando minha saúde quando as crises de enxaqueca diminuíram e todos começaram a me elogiar dizendo que estava linda e que havia emagrecido muito, olhando no espelho não notei tanta diferença até que fiz uma montagem com duas fotos, um antes e depois que me surpreendeu.



  Essa mudança melhorou minha saúde e qualidade de vida, pois além do estresse diário dores insuportáveis de cabeça e visitas ao hospital pioram ainda mais o nível de estresse, as vezes me sentia como se estivesse me desfazendo, ou como se fosse explodir em mil pedaços, e também estou muito mais feliz comigo mesma, parece que todas as minhas roupas estão me servindo melhor e estou me sentindo mais bonita e confiante.

  Não sou a favor daquelas dietas malucas e menos ainda de procedimentos cirurgicos quando são feitos apenas por vaidade, mas também não acho que todos devem ser magros, eu me amava e me sentia bonita mesmo estando com alguns quilos a mais do que atualmente decidi começar a me exercitar e maneirar na comida por questão de saúde mas sinceramente não acho que todos devem seguir esse padrão de magreza que a mídia impõe.

  Não há nada melhor do que nos aceitar como somos e ter uma vida saudável e mais feliz.

segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Finalmente a tão sonhada férias chegou!


  Finalmente o tão esperado mês de Dezembro chegou!

  Depois de passar os últimos três meses com muito estresse, preocupação e fazendo visitas ao hospital graças a uma enxaqueca que resolveu aparecer na minha vida finalmente Dezembro chegou! Fui agraciada com férias no mês mais disputado na empresa, graças a Deus! Sentia como se cada dia perdesse uma parte de mim, sentia-me rastejando, cansada fisicamente, emocional e espiritualmente.

  Hoje foi meu primeiro dia em casa depois de tanto tempo sem parar para descansar, confesso que estranhei, parecia que eu estava faltando ao trabalho...mas enfim, sei que esses dias serão maravilhosos e estou torcendo para que eles passem beeeem devagar.

  Com esses dias em casa espero conseguir manter o blog mais atualizado, mas não prometo-vos postagens diárias pois não quero escrever qualquer coisa apenas para preencher espaço por aqui, mas sim algo que eu realmente sinta vontade de compartilhar.

  Por essa noite é só, mas vejo vocês em breve.

  Beijos!