domingo, 18 de janeiro de 2015

Comprar ou adotar?

  Há algumas semanas tenho pesquisado sobre os pós e os contras em comprar um animal, pesquisei e entrei em contato com alguns criadores profissionais.

  Faço parte de alguns grupos no Facebook que falam de animais, e o que mais tem me incomodado são dezenas de pessoas que reclamam dos valores de alguns cães de raça de criadores reconhecidos e muitos que dizem ter pago um preço bem menor e chamam os criadores de mercenários e coisas piores.

  O problema é que há uma enorme diferença entre um criador de cães licenciado, do qual trabalha de acordo com a lei, dando uma boa qualidade de vida aos cães, estudando antes de cruzar os animais e que dá acompanhamento veterinário a eles, e há também os cachorreiros, pessoas que criam e vendem animais em fundo de quintal, em péssimas condições e fora da lei.

  Confesso que meus olhos só se abriram para essa triste realidade que vivem os animais à poucos dias quando pesquisava na internet sobre preços de cães e encontrei nos sites da OLX e Mercado Livre anúncios absurdos que me deixaram chocada, tais anúncios trazem fotos de filhotes que da para ver que são criados em meio a sujeira e que provavelmente os donos não entendem e nem pesquisam nada sobre a raça, e é possível encontrar muitas PESSOAS VENDENDO E TROCANDO CÃES ADULTOS e ainda colocando na descrição do anuncio de que eles não são castrados, ou seja, não se importam com os sentimentos do animal ou se ele vai ser usado como uma matriz por alguém sem informação até o animal definhar.

 Para quem não sabe há leis para a doação de animais, entre elas é exigido que o animal esteja castrado justamente para impedir o uso da procriação desenfreada que uma rápida pesquisa na internet pode comprovar.

  Ter um animal de raça que foi concebido e criado em um canil regulamentado é caro mesmo, em minha opinião, adquirir um animal de cachorreiros está colaborando para que tantas histórias de maus tratos aos animais continuem se repetindo.

  Quem não tem dinheiro suficiente para comprar um animal de um criador reconhecido tem a opção de adotar, são milhares de ONGs espalhadas pelo país e há também o Centro de Zoonoses.

  Ao adotar um peludinho você estará dando a ele uma nova chance de ser feliz, não é porque eles não são de raça que não devem ser amados! Aliás, normalmente os cães SRD são bem mais resistentes do que os com pedigree.

  Há muitos cães carentes a espera de um lar, tudo o que eles querem é ter alguém para amar, se você está como eu na dúvida entre comprar ou adotar um cão, o meu voto é para a adoção, pois você estará dando uma nova chance ao animal que provavelmente já foi rejeitado por muitos.

  Para quem é de São Paulo, na próxima semana, nos dias 23,24 e 25 de Janeiro no shopping West Plaza terá uma feira de adoção em parceria com a ONG Clube dos Vira Latas. O horário da feira será de 12hr às 17hr, e para adotar é necessário ter mais de 21 anos, levar RG, comprovante de residência e claro, uma guia.

  No site da Luisa Mel tem uma matéria que mostra a diferença dos cachorros antes de serem adotados e depois, você pode conferir clicando aqui.

  Como muitos já dizem: Adotar é tudo de bom!

  Se você não tem condições financeiras de pagar um bom preço em um cão de raça, adote, vale muito a pena!

  Não estimule esses "cachorreiros" ilegais ou a venda de animais em petshop que ficam expostos em vitrines que mais parecem aquários, adote!


domingo, 11 de janeiro de 2015

Volta as aulas 2015 + Xafurdaria


  Daqui algumas semanas começará tudo novamente!
 
  Escolhi essa imagem pois ela faz uma boa ilustração de mim quando estou em aulas na faculdade, já minhas lembranças do Ensino Médio são mais felizes, pois na maioria dos dias eu ia a escola só para conversar e ficar com os amigos, estudar era apenas algo que não tinha como fugir.

  Porém não é sobre o estudo em si que quero tratar nesse post, e sim sobre dar valor a alguns sacrifícios que nossos pais fazem por nós durante essa época do ano.

  Tive a inspiração para escrever esse post, após assistir ao novo vídeo do Canal Xafurdaria (adooooro) que fala sobre o tema.

  Nossos pais fazem inúmeros esforços para nos fazer feliz mas nem sempre são reconhecidos por nós, e um desses esforços envolvem o estudo, desde o trabalho que dá para conseguir dinheiro para pagar a mensalidade de um colégio, ou para quem estuda em escola pública para comprar os materiais.

  Para os que vem de família mais simples é comum reclamar porque a mãe comprou um caderno feio, ou de capa mole, no vídeo o Kaio fala sobre o famoso caderno da capa de surfista, eu dei muita risada ao assistir o vídeo pois quase todo ano eu e meus irmãos ganhávamos esse caderno de surf, para mim que sou menina era um saco, pois além de ser considerado de menino, ele não tinha nenhum atrativo, nada de figurinhas ou páginas decoradas, e ainda teria sorte se ele tivesse separação de matérias.

  Hoje eu posso ver o esforço que minha mãe fazia para tentar nos dar o melhor que era possível para ela, nessa época do ano, você que é mais nova e depende dos pais para comprar o material da escola pense duas vezes antes de reclamar do caderno novo, ou do estojo sem graça que ganhou.

  Aqui está o vídeo do Xafurdaria para quem ainda não assistiu.


Como ser feliz?


  Olá queridas!

  Nos últimos dias, ou melhor, meses tenho pensado muito no assunto felicidade, e resolvi escrever aqui algumas de minhas observações sobre o assunto.

  Em primeiro lugar, aprendi que a felicidade é muito relativa, nem todos se sentem felizes pelo mesmo motivo, e em segundo lugar que uma vida feliz depende unicamente de você mesmo, pois você é quem se coloca feliz.

  Confuso isso, mas aprendi nos últimos meses que algumas situações podem ser desgraças irremediáveis para algumas pessoas, enquanto para outras é apenas uma oportunidade de aprender ou uma situação que não é tão ruim, pois sempre poderia ser pior do que é. Ou seja, a felicidade depende da percepção de cada um.

  O problema que algumas pessoas enfrentam é que os pensamentos delas estão condicionados a serem pessimistas, nada está bom, reclamam de tudo, mesmo quando acontece algo bom, elas fazem questão de enxergar o que poderia dar errado, e para meu espanto, parece que as coisas nunca vão bem para pessoas que só reclamam.

  Pode-se chamar de fé, mas para mim quando aprendemos a ser gratos a Deus pelo dom da vida, e por tudo que acontece conosco, de uma maneira ou de outra as coisas sempre parecem melhorar para nós, nada é em vão ou tão ruim que não possa ser superado, cada problema é visto como algo que será superado.

  Acredito que quando paramos de murmurar e passamos a agradecer pelas coisas, a vida se torna mais leve, sem rancor ou mágoas e as coisas passam a fluir melhor.

  Sei que a vida não é fácil e todos nós temos problemas, mas ser feliz é uma questão de atitude, de mudar a sua maneira de ver as situações. Nem sempre é fácil, e exige treino, mas vale muito a pena.

  Quando se deparar com uma situação ruim, antes de abrir a boca para reclamar lembre que tem pessoas em situações muito piores como a sua, lembre-se que lá na Africa tem crianças que comem barro, tem pessoas que vivem com muitos problemas de saúde e que mesmo assim são gratas por cada minuto a mais de vida, aos poucos você irá deixar o pessimismo de lado e realmente ser feliz.

  Não precisamos de muito para ser feliz, um simples despertar pela manhã já é motivo de felicidade pois você poderia não ter acordado, ou alguma pessoa querida sua poderia não estar aqui para viver esse dia.

  Como já disse, é tudo uma questão de percepção.

  Além disso, também é necessário lutar para se ter uma vida melhor, desde tentar se tornar um profissional melhor à perdoar as pessoas que te magoaram e ter um relacionamento melhor com quem está perto de você.

  Sei que não é fácil sempre ser positivo, e que as vezes levamos algumas rasteiras na vida, mas sempre precisamos levantar e continuar a seguir em frente, pois não temos opção, temos que viver e tentar fazer isso da melhor maneira possível, pois tem coisas que ninguém pode fazer por nós a não ser nós mesmo, como ser alguém motivado e com esperança. A vida é curta demais, não podemos desperdiçar um dia se quer sem tentar ser feliz e amar.

  Espero que nesse ano de 2015 vocês estejam com a esperança renovada e com planos para concretizar todos os seus sonhos.