domingo, 31 de maio de 2015

Dica de filme: A filha do pastor


  Meninas, hoje a  minha dica de filme é um cristão que assisti algumas vezes pelo Netflix, chamado A filha do pastor. Confesso que no início do filme não esperava grande coisa, achei que seria mais um filme gospel com uma história fraca, mas eu estava enganada, com o decorrer do filme fui muito tocada e claro, rolaram muitas e muitas lágrimas.

  A história gira em torno da filha do pastor da igreja de uma pequena cidade do interior, a menina é esforçada, está muito envolvida com as atividades da igreja, mas ela também está cansada de sempre fazer as mesmas coisas e afirma querer uma folga de Deus e da igreja. Seu pai, o pastor é muito rigoroso com ela, mesmo a menina tendo mais de 21 anos o pai ainda implica até quando ela quer ir ao cinema.

  Em uma noite ela e sua amiga enganam o pai e vão para uma balada, lá conhecem um cantor famoso que as convida a assisti-lo em sua apresentação numa peça gospel que viaja o país todo, a jovem vai com a sua amiga a apresentação e acha tudo incrível, fica maravilhada com todo o show e nas vidas que são "salvas" na apresentação.

  Claro que você que está assistindo o filme ficará vendo a apresentação da peça e se perguntando onde é que está Jesus naquela tal peça gospel e como a menina pode ser tão ingenua para não ver o que realmente está acontecendo.

  Cega, a garota decide ir embora com os atores dessa peça, ela deixa o pai e parte em turnê com a promessa de ser a substituta da atriz principal.

  Logo nos primeiros momentos da viajem ela já percebe que aquela peça não tem nada de gospel, que os atores só pensam em dinheiro, assistem filmes pornôs, bebem e usam drogas, a garota podia largar tudo aquilo e voltar para casa, mas o ator principal conquista seu coração, no começo ele é um cara apaixonado, romântico e atencioso, e ela ignora pequenos indícios que mostram que o caráter de seu novo namorado não é tão bom assim.

  A garota começa a viver um verdadeiro inferno, vítima de sua inocência e luxuria, é enganada o tempo todo, começa a ser agredida, humilhada e traída pelo tal namorado, coisas que acho que todos nós já conhecemos um caso assim, Ela começa a sentir falta de Deus, mas mesmo assim por causa de sua paixão fica envolta em um circulo vicioso entre pecado, tristeza e enganação.

  Esse filme tocará muitas mulheres que um dia se apaixonaram por um cara totalmente diferente de seus costumes e ficou frustradas com seus pastores ou pais por eles não permitirem o namoro. Claro que namorar com alguém com princípios diferentes do que os seus pode ser bom sim, mas as chances não são muito grandes. É mais fácil você puxar alguém para cima ou puxar para baixo quem está em cima?

  Essa menina ela tinha dito, e trocou tudo pela luxúria, assim como na parábola do filho pródigo. Uma curiosidade é que a peça que ela trabalhava tratava de uma história parecida com a dela, parecia que Deus todos os dias estava tentando falar com ela, mandando sinais, mas mesmo assim ela não via.

  Mas depois de um tragédia ela abre os olhos e se lembra que ela tem valor sim, que ela não era o que aquele namorado imprestável dizia que ela era, mas sim o que o pai dela dizia que ela era, A FILHA DE UM REI.

  O interessante nesse filme é que ela foge para tentar realizar seu sonho de cantar e ser reconhecida, e um de seus sonhos era cantar no Teatro Apolo em Nova York e com a peça ela vai para a cidade e se apresenta lá, apesar de não ser no Apolo ela já estava encantada, porém, no mesmo dia, a banda da igreja dela ia se apresentar no Apolo o que era o sonho dela. Isso me impactou muito também, pois as vezes queremos sair para conquistar nossos sonhos, mesmo que tenhamos que ir contra nossos princípios mas o filme mostra que se ficarmos com Jesus nós vamos realizar nossos sonhos da maneira perfeita.

  Esse filme não é nenhum lançamento, mas me impactou muito, e vale a pena ser visto. Fica então a minha dica, ele está no Netflix como A filha do pastor, mas acho que você também pode encontra-lo em outros sites.

  Abaixo tem o trailer do filme.

  Obs,: conhece algum outro filme cristão que te impactou também? Compartilhe com a gente!


O que fazer em momentos difíceis?

  As vezes pensamos que finalmente tudo ficará bem, e então nos vemos em meio a uma guerra novamente, ficamos pensando quando teremos sossego e porque Deus deixa que certas coisas aconteçam conosco, porque temos que passar por certos tipos de situações.

  Dói ainda mais quando estamos passando por uma luta que só é nossa, ninguém a não ser você e Deus pode te ajudar, familiares e amigos podem até saber e tentar entender a sua dificuldade mas eles não conseguem te ajudar a passar por ela mais facilmente.

  As vezes nessas situações nos sentimos incapazes, sem valor, e até mesmo brigamos com Deus, pois afinal, onde está Ele para te tirar dessa situação?

  Eu estou passando por uma situação dessas, uma guerra que é só minha, e apesar dos meus familiares verem minhas lágrimas eles não podem me ajudar, estou vivendo tempos que eu choro todos os dias e noites, e tudo o que eu mais queria era poder me livrar do problema, infelizmente isso não será possível agora, e não sei se será possível me livrar algum dia dele (espero que sim), mas nesses dias de tristeza e angústia tenho buscado a palavra, e o que tenho encontrado é :

"Qual de vós, por mais ansioso que esteja pode acrescentar uma hora à duração de sua vida? Se não podeis fazer nem as coisas mínimas, por que estais ansiosos pelas outras? Olhai como crescem os lírios; não trabalham, nem tecem; mas eu vos digo que nem mesmo Salomão, em toda a sua glória vestiu-se como um deles. Se Deus veste assim a planta que hoje está no campo e amanhã é jogada no forno, quanto mais a vós homens de pequena fé?
  Portanto, não fiqueis preocupados se tereis o que comer ou o que beber. Porque as pessoas do mundo procuram todas essas coisas; mas vosso Pai sabe que precisais delas. Antes, buscai o seu reino e essas coisas vos serão acrescentadas.
  Não temas, ó pequeno rebanho, porque é do agrado do vosso Pai dar-vos o reino." (Lucas 12:25-32)

  Essa é a única resposta que tenho dito e por onde tenho buscado forças para viver a cada dia, buscar o Reino de Deus, me esconder debaixo das asas de Deus. Não tem sido fácil, não sei como me livrar dessa situação, mas Deus nos promete que cuida de nós e tenho me agarrado com unhas e dentes a essa passagem.

  Se você que está lendo esse texto também está passando por uma situação difícil da qual parece que só você pode se ajudar, quando parece que o problema é você mesma, não vê solução e tudo o que você parece ter forças para fazer é chorar, se agarre a Deus, e por mais deprimida que esteja lembre-se que Deus cuida de você e que você tem valor.


sábado, 23 de maio de 2015

O dia em que vi o que a droga pode fazer

 Olá,  queridas. Tudo bem?

  No post de hoje contarei a vocês uma experiência que eu tive a cerca de dois meses atrás e que tenho certeza que nunca esquecerei.

  Era final da tarde e eu estava saindo do trabalho, estava numa avenida muito movimentada do centro de São Paulo, e é comum por ali ter moradores de rua e usuários de drogas, não me surpreendi ao ver um homem brigando sozinho e acenando sem parar para o vento.

  O que me surpreendeu foi que todos que estavam indo para avenida São João como eu, pararam na calçada esperando o farol abrir, e havia um ônibus que já estava quase terminando de passar por uma curva bem a nossa frente, e foi nesse momento que o homem que estava brigando sozinho, invés de parar na calçada como todos nós e esperar o farol abrir, continuou sem ver o ônibus a sua frente.

  Todos nós estávamos esperando o farol abrir e ficamos congelados por alguns segundos que pareciam uma eternidade, eu vi o homem avançar, bater a cabeça na lateral do ônibus, provocando um grande barulho, vi seu pescoço virar bruscamente e logo pensei que ele havia quebrado o pescoço e estava morto, mas então, o vi caindo no chão e o ônibus passando sobre o seu corpo.

  Tudo aconteceu muito rápido, mas ao mesmo tempo parece que nós que presenciamos esse momento vimos tudo em câmera lenta, ninguém esperava por isso, quem não veria uma coisa tão grande bem na sua frente? Sim, aquele desconhecido não viu.

  Ficamos todos parados, chocados demais por alguns instantes tentando acreditar no que vimos, aos poucos as pessoas que estavam dentro do ônibus começaram a gritar, as pessoas que estavam dentro da lanchonete de esquina saíram para a rua, e aquele homem ficou estendido no chão sem se mexer.

  Eu não sei o que aconteceu com ele, se ele realmente estava morto (acredito que sim, pois foi muito feio o acidente), eu não tive coragem de continuar assistindo, mas apesar de ter se passado alguns meses eu não consigo esquecer dessa cena.

Todos os dias a maioria de nós vê um morador de rua bêbado ou drogado por ai, e normalmente sentimos medo, repulsa, nojo e queremos que esse tipo de pessoa suma, mas quando eu vi aquele homem sendo atropelado na minha frente pensei em como eu mentia para mim mesma para não ter mais problemas.

  Muitos de nós critica iniciativas do Governo para ajudar essas pessoas, mas esquecemos que elas não são E.Ts ou nasceram de um pé de alface, elas foram concebidas por um casal, e não se sabe quando ou porquê se perderam em algum momento de sua vida, e então invés de ajuda-las nós fechamos nossos olhos e a ignoramos, assim como fazemos com os pombos, eles estão em toda parte, são sujos, tem doenças e nós fingimos na maioria das vezes que eles não existem, porém essas pessoas são tão seres humanos como nós e que precisam de ajuda.

  Essa é uma realidade muito triste e complexa, pois como podemos ajudar se a maioria não quer ajuda? Eu realmente não sei nem ao menos como ajudar, mas desde aquele dia algo mudou dentro de mim.

  Conheço algumas pessoas que veneram as drogas (todos os tipos), levam tudo na brincadeira e não aceitam o fato de que um dia elas podem ser como aquelas pessoas que dormem nas ruas e que causam repulsa, elas simplesmente ignoram tantos casos de pessoas que estragaram sua vida dessa maneira.

  Se aquele homem não estivesse tão drogado, ele teria visto o ônibus e estaria vivo, acredito que ele ficou lá até o resgate chegar e se ele realmente estava morto é provável que a sua família ainda nem saiba disso e sua memória, sua vida já tenha sido esquecida. Eu não sei quanto a você que está lendo esse texto, mas pensar que ele simplesmente foi esquecido, enterrado como indigente e sua vida ter acabado daquela maneira é algo que me deixa triste.

  Sei que o post de hoje não é motivacional, mas compartilho com vocês essa experiência que me fez ver a vida com outros olhos.

domingo, 10 de maio de 2015

Namoro cristão: mania de provocar ciúmes

  Queridas, hoje falaremos sobre uma mania chata que alguns casais tem que é a de provocar ciúmes um no outro. Isso não é saudável para o relacionamento, além de ser muito imaturo não trás nada de bom para nenhum dos dois.

  Em um relacionamento queremos ter a exclusividade em estar com alguém, nos sentir especiais e as vezes quando não estamos com essas necessidades supridas tentamos de alguma maneira chamar atenção do outro, e em sua maioria provocamos ciúmes a ele para mostrar que nós também somos desejadas por outras pessoas e que se ele não nos der valor ele nos perderá.

   Ok, essa é a mensagem que queremos passar, mas quando fazemos isso através de uma provocação, na verdade estamos insinuando que poderemos olhar para outra pessoa mais cedo ou mais tarde e para a outra pessoa isso não trará mudança e sim desconfiança e uma série de outros problemas.

  Por isso, a dica é: Converse!!!

  Principalmente nós mulheres, conseguimos entender e perceber muitas coisas nas entrelinhas, mas muitos homens parecem não ter essa habilidade, por isso, quando tiver algo te incomodando em seu relacionamento, não mande indiretas, converse! Vai te poupar tempo e evitar problemas futuros.

  Sim, é claro que nós mulheres gostaríamos que os homens entendessem mais as nossas manias e sentimentos, mas com o tempo em um relacionamento você cai na real que não é como um filme de romance e que nem todos vão perceber esses detalhes e que terá de deixar de ser a menininha mimada que faz birra e provoca ciúmes para se tornar uma mulher e conversar sobre o que está faltando e resolver os problemas de seu relacionamento como gente grande.

  Não é fácil amadurecer, quando se trata de relacionamento amoroso é ainda mais difícil pois não é fácil conviver com outra pessoa, há muitos detalhes, cuidados e renuncias que precisamos fazer.

  Se você tem essa mania, pare! Antes que isso estrague o seu relacionamento. Estar com alguém é coisa séria e exige atitudes mais maduras, se você não está disposta a mudar então avalie se realmente está pronta para ter um relacionamento sério, com objetivos ou se isso é só um passa tempo.

  Abraços.

Aviso: onde está a página do Cortando as Tranças no Facebook?


  Olá, queridas!

  Quem segue a página do blog no Facebook já deve saber que eu não costumo atualizar a página com frequência, não, não é relaxo, até porque eu tenho atualizado sempre o blog, mas eu realmente detesto o Facebook, a minha página pessoal vive sendo desativada e ativada novamente.

  Fiz esse post somente para esclarecer as dúvidas sobre a presença do blog no Face.

  Para quem não quiser perder nenhum post nos siga pelo Gmail ou por e-mail, na barra à direita desse texto há essas opções, ou se preferir salve o Cortando as Tranças na sua pasta de favoritos.

  Até breve!

quarta-feira, 6 de maio de 2015

Dica de como resistir ao pecado


 Olá, queridas!

  No post de hoje tratarei sobre bons olhos.

  Nos dias de atuais está cada vez mais difícil não pecar, as oportunidades de fazer coisas "erradas" são muitas, e convenhamos que hoje a sociedade está muito mais liberal, praticamente ela te empurra para o pecado, seja através de princípios do mundo moderno, programas de televisão, internet, parece que quase tudo quer que você peque.

  Não é fácil resistir ao pecado, ele sempre parece algo bom seguido por um pensamento de "não tem nada a ver", e então quando vemos, estamos escravos daquele pecado.

  Ok, provavelmente há algumas pessoas pensando que se tornar escravo do pecado é exagero, porém quem um dia já se viu nessa situação e abriu os seus olhos, sabe que não há descrição melhor do que essa. Isso porque, na maioria das vezes não percebemos que o que estamos fazendo não é algo bom para nós, e demoramos para notar que nos tornamos dependentes daquela atitude, como uma droga, todos começam dizendo que não tem nada a ver, depois dizem que é só por diversão e quando quiser param, mas nunca conseguem parar, assim também é com os outros pecados, seja a gula, a mentira, a vaidade e por ai vai.

  Mas então como resistir a ele?

  Bem, isso varia para cada pessoa, mas hoje li na Bíblia uma dica ótima que com certeza nos ajuda bastante.

  Lucas 11: 34-36
"A candeia do corpo são os olhos. Quando os teus olhos forem bons, todo o teu corpo será luminoso; mas quando forem maus, o teu corpo será repleto de trevas.
 Cuida, então, para que a luz que há em ti não sejam trevas. 
 Se, pois, o teu corpo todo estiver iluminado, sem parte alguma em trevas, ele será todo luminoso, à semelhança da candeia que te ilumina com o teu resplendor."

  Os olhos são a porta de entrada para a nossa alma, é pelo olhar que detectamos muitos sentimentos de outras pessoas, por isso é tão importante tomar cuidado para onde se olha. Quero dizer que devemos tomar cuidado com tudo o que assistimos e participamos.

  Não estou dizendo para você parar de assistir televisão, cada um sabe onde o calo aperta, se você refletir saberá quais programas, sites e até pessoas te levam a ter maus pensamentos, e o que não te faz bem é melhor se abster.

  Como eu disse, a mídia através de programas e novelas pregam muitas coisas que podem não te fazer bem, se sabe que ver aquilo te fará pecar, então não assista, não participe daquilo. Você não é obrigado a ver o filme da moda, participar de tal grupo no whats app ou o que mais que te leve a pecar.

  Tenha bons olhos, absorva aquilo que te faz bem, se alimente mais da Bíblia e verá como ficará mais fácil de resistir a determinados pecados.

  Tenha um ótimo dia!

domingo, 3 de maio de 2015

Ele não liga para mim


  Olá, meninas!

  Hoje falarei sobre um assunto que aflige muitas meninas em alguma fase do relacionamento, a ausência do boy, quando você acha que ele não está mais te dando tanta atenção, você fica triste, não sabe o que faz para chamar a atenção dele e acabam brigando bastante por isso.

  Sim, isso não é algo incomum nos relacionamentos, todas nós já nos sentimos assim um dia, e felizmente eu posso dizer a você que há um remédio para isso!

  Mas, antes da solução, vamos a descrição dessa fase tão ruim:

  Você e o boy já estão juntos há algum tempo, no começo ele era fofo, atencioso, te ligava a cada cinco minutos, passavam horas conversando, ele era muito cavalheiro, te tratava como uma verdadeira princesa, mandava mensagens carinhosas no decorrer do dia, e então sem mais nem menos, ele mal te liga, e quando o faz é uma ligação rápida justificada por uma desculpa de "vou descansar", "tenho que fazer tal coisa", ou o pior de todos "oi, liguei para avisar que vou sair com os amigos", quando vocês estão juntos, apesar dele te tratar bem, você sabe que não é a mesma coisa de sempre.

  Não é preciso uma causa específica, vocês não brigaram, ele não te dá motivo para ter ciúmes de outra mulher, porém há algo simples mas eficaz que você pode fazer para mudar essa situação: DÊ MAIS VALOR A SI MESMA!

  Antes de namorar, o cara se apaixonou por você por quem você é, pelos seus gostos e planos que você tinha antes de namorarem, e então depois de algum tempo de namoro para que você nem se lembra quem você era antes dele surgir na sua vida, deixou os seus gostos e passeios de lado, e até sonhos, e agora seu mundo gira em torno dele, e ai está o erro. Temos que namorar, noivar e casar sim, acabamos mudando algumas coisas por causa do companheiro, mas não podemos deixar de ser quem somos por causa do relacionamento.

  Alguns caras podem se sentir confiantes demais com toda essa sua atenção e veem que não é mais preciso tanto esforço para poder ficar com você, te agradar, algo como "fulana me ama, vou ligar para avisar que não vai dar mais para sairmos hoje pois vou jogar com meus amigos e tudo bem" sendo que antes ele nunca desmarcaria um compromisso com você. Essas coisas nos chateiam e faz com que tentemos chamar atenção de maneira errada, seja com brigas ou provocando ciúmes.

  Mas ai é que está o problema, quando fazemos de uma pessoa o nosso mundo acabamos por denegrir o nosso valor, está tudo bem gostar de alguém, mas Deus tem que ser o centro do nosso mundo, e homem nenhum poderá ocupar essa posição sem trazer infelicidade a você.

  Dê valor a si mesma, sair com o boy é muito bom, mas vocês não nasceram grudados um no outro, e se ele te deixa para sair com os amigos então você também pode fazer o mesmo sem ficar com peso na consciência, invista mais tempo em si mesma, em coisas que você gosta.

  Pensar menos nele é difícil, mas invista o tempo em que você passa sentindo saudades e pensando como ele está te deixando em segundo lugar, fazendo algum curso, saindo com amigas, investindo em algo que você queira realizar no futuro.

  Fazendo isso, acredite, o cara vai sentir a sua falta, ver que você não é tão dependente e que está vivendo coisas novas sem precisar dele, e sentirá necessidade de te impressionar e voltará a ser como antes.

  Investir em si mesma lhe trará muitos benefícios, no começo não será muito fácil, mas depois você se acostumará e verá quantas coisas boas aconteceram por essa decisão.

  É muito bom gostar de alguém, mas você não pode esquecer de quem é por causa dessa pessoa.

  Se ame mais!

Dica de Livro: Jardim Secreto (atualizado)




Olá, queridas!

Como prometido, aqui está um post mais completo sobre o livro que se tornou mania nas últimas semanas. O Jardim Secreto.

Para conseguir comprar um exemplar é um "parto" porque ele chega em um dia e já acaba poucas horas depois na livraria.

Para quem ainda não sabe, o livro Jardim Secreto e o Floresta Encantada são livros de colorir em uma versão "mais adulta", eu falei um pouco mais sobre o livro nesse post aqui, e prometi que assim que eu comprasse eu postaria aqui alguns desenhos.

Eu demoro muito para pintar um desenho, por isso até agora só fiz três e estou terminando outro.

Confira algumas fotos :














Realmente o livro nos faz esquecer dos problemas, quando estou pintando esqueço até do meu nome, rs.

Indico a todos, e o preço dos livros não está um absurdo, na loja física da Loyola eu paguei 29,90, mas na internet você pode encontrar mais barato. O contra é o preço dos lápis de cor, eles estão MUITO caros, mas vale a pena comprar.