sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Ele chegou


  Por anos sonhei em viver algo assim, procurava ansiosa por todos os lados em busca de viver aquele tão falado amor, ficava irritada quando pessoas me diziam que ele viria quando não estava esperando, e estava até mesmo cansada de escrever sobre isso e ler que ele só viria quando não precisasse dele. Pois é, tenho que admitir que estavam certos, ele só veio quando não precisava, quando me sentia tão bem comigo mesma que não sentia nenhuma necessidade de te-lo por perto, como fora por tanto tempo.

  Confesso que não foi nem um pouco fácil aturar minhas manias, e minha ideia de que só podia ser livre se estivesse solteira, fiz algumas burradas e disse coisas que não devia, mas quem nunca falou o desnecessário?

  Descobri que realmente, o amor vem quando não sentimos a necessidade dele, quando não estamos ansiosos, quando estamos de bem com nós mesmo, também descobri que estar acompanhada é muito melhor do que sozinha, não que ser solteira não seja bom, aliás é uma maravilha, porém estar acompanhada por alguém também é maravilhoso.

  Agora sei como é olhar para alguém e pensar "como eu te amo", também sei como é ter medo de perder e entendo aquelas mulheres que sempre estranhei por chorarem quando brigam com o namorado, também sei como é o terrível o sentimento do ciúmes, e finalmente descobri o que era aquela "coisa" que faltava em minha vida, você.

  Dani Fernandes

Um comentário: