sábado, 15 de agosto de 2015

Deseje o bem para as piriguetes!


  Olá, queridas! Hoje o post é polêmico!

  Não vou falar sobre roupas nem atitudes das famosas "piriguetes" mas sim em como você deve agir com elas.

  Devo ressaltar, que a piriguete que cito aqui nesse post não é somente aquela que usa roupas curtas como aparece na novela, e em questão de roupa, acho que cada um usa o que se sente bem, mas para mim a piriguete de verdade é aquela mulher vulgar e que adora mexer com homens comprometidos, algumas pessoas com a "língua nervosa" também as chamam de "pomba gíria" ou "Jezabel".

  Todas as mulheres que estão ou estiveram em um relacionamento um dia tiveram a infelicidade de lidar com um tipo de mulher como esse, e claro, para a maioria de nós as reações mais comuns são xingar a outra de todos os nomes, querer se vingar ou simplesmente não dizer nada, mas se correr por dentro de tanta raiva. Convenhamos que essas reações são comuns, o famoso ciúmes, e todas um dia já passaram por isso, mas tenho uma notícia para você! Ficar se remoendo de raiva da piriguete que persegue o seu companheiro não vai te trazer nada de bom e nem mudar a situação, provavelmente só piore as coisas. Se o seu companheiro não dá bola para ela e nem motivos para que você desconfie dele então não vale a pena.

  É comum também, das mulheres com menos paciência até mesmo fazer barracos com as "inimigas" e causar muita confusão e constrangimento a todos, e não é novidade que isso só desgasta o relacionamento.

  É preciso lembrar que a responsabilidade maior de respeitar o relacionamento é do casal, sei que tem mulheres que são difíceis de aguentar, mas quem tem a maior obrigação de ter respeito é o casal, são os dois que estão comprometidos, pare de ter essa visão machista e querer colocar a culpa na outra mulher se o cara te traiu ou pisou na bola. Por esse motivo você deve parar de querer se vingar da outra e sim se caso alguma coisa aconteça tratar o problema somente com o seu companheiro.

  Pode parecer clichê, mas a mudança tem que começar de você, se sente que a outra é um perigo provavelmente isso significa que você está insegura consigo mesma, e então você deve se cuidar mais, tanto em seu coração ou em sua aparência. Pense também como deve ser triste a situação da outra que vive dando em cima do seu amor, ela provavelmente deve se sentir carente e sem valor, pois descer a esse nível de querer ficar com alguém já comprometido negando todo o seu valor e que ela merece ser exclusiva e não compartilhada com todos demonstra que algo está MUITO errado com ela.

  Pare de desejar que a outra seja atropelada, apanhe, caia o cabelo ou sei lá quantas outras coisas você já desejou para ela, e sim deseje que ela encontre o seu valor e seja feliz! Ore por ela! Nós já vivemos num mundo tão machista onde tudo é culpa da mulher que nós temos que nos unir e não nos separar, não podemos ser como a mídia diz que somos "inimigas, manipuladoras, competitivas entre nosso gênero", e sim unidas!

  Realmente isso é muito clichê, mas temos que orar por nossos "inimigos"! Invés de amaldiçoar a vida daquela mulher, ore pedindo para Deus abençoa-la, ajudar ela a encontrar a felicidade e suprir suas necessidades emocionais, pois a verdade é que gente feliz não enche o saco! hehehe.

  Você pode até mesmo encontrar nela uma futura amiga, e através da oração aprenderá a ama-la e querer o bem dela. Eu sei que isso não é fácil, principalmente quando estamos fervendo de ciúmes mas ficar arrumando confusão ou se correndo de ódio calada não fará nenhum bem, e entre fazer o bem ou o mal, qual você prefere?

ATENÇÃO: Se você gosta do blog e não quer perder nenhuma atualização e ainda quer aproveitar para me conhecer melhor e até conversar comigo, me adicione no Facebook ! Clique aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário