terça-feira, 26 de agosto de 2014

Ciúmes: o que não fazer


  Olá, queridas. Tudo bem?

  Nesse último sábado no programa Escola do Amor, na rede Record, o tema foi "Ciúmes excessivo". Confesso que minha mãe já havia me dito a maioria das coisas que o casal de apresentadores e a psicologa disseram, porém eu nunca havia entendido por completo, achava que só era cisma de mãe.

  Enfim, o que mais me chamou atenção nesse programa e que senti necessidade de compartilhar com vocês são alguns estudos que foram feitos relacionados ao ciúmes.

  De acordo com pesquisadores, estudos indicam que quanto mais ciúmes a pessoa tem, maior é a chance de ela ser traída. Isso porque as vezes o parceiro (a) realmente não tem nenhum affair fora do relacionamento, mas com as cobranças e crises de ciúmes ele passa a observar ao redor.

  Por exemplo:

  "-Você viu aquela piriguete da sua prima de olhando?"

  Ele poderia não ter notado antes, mas vai começar a reparar a partir de agora.

  Você, ciumenta tem que parar de chamar a atenção dele para as outras mulheres, sei que ultimamente tem muitas mulheres que não respeitam nem a si mesmas e muito menos o relacionamento e compromisso de um casal, na verdade, parece até que algumas preferem homens comprometidos, mas você, que está lendo esse texto tem que ser esperta e não chamar atenção para elas.

  Por exemplo, suponhamos que seu namorado ou esposo tenha uma prima que se insinua para ele, e é claro, você ficará brava e vai brigar com seu namorado ou com ela, porém você não deve fazer isso, seja inteligente e não dê vexame pois:

  1° ele pode não ter percebido, e se você falar algo ele poderá ficar com o ego inflado e passar a observar tal pessoa, afinal, quem não gosta de saber que é desejado?

  2° ele já percebeu que fulana fica dando mole, e com você apontando toda vez que ela "destila seu veneno de cobra" vai estar fazendo ele prestar atenção na "jararaca", sendo que isso é a última coisa que você quer pois ou ele vai observar com mais atenção o que ela faz ou ele ficará irritado com seu ciúmes e vocês vão discutir, e você vai ficar com ainda mais ciúmes pois em sua mente vai parecer que ele está defendendo a "amiguinha".

  Sim, eu sei que não é fácil se controlar, mas sejamos sinceras, quando estamos com ciúmes as vezes vemos as coisas diferentes de como são, e a raiva queimando faz com que tomemos atitudes que depois nos arrependeremos ou magoaremos alguém.

  Então, retomando. Se ver alguém dando em cima de seu namorado, nada de chamar atenção dele para a outra, segundo, tenha calma, respire quantas vezes for necessário para não fazer feio, se precisar, quando tiver mais calma converse com o boy a sós mais tarde.

  Lembre-se que ninguém é dono de ninguém, e não há quem se sente confortável ao ser cobrado ou ao estar em um interrogatório. Se realmente ama a pessoa que está ao seu lado vai aprender a respeita-la e não trata-la como um objeto só seu e intocável.

  O ciúmes está muito presente em nossa cultura, porém ele pode destruir o seu relacionamento se não aprender a se controlar.

  Bem, queridas. Essa foi a lição que aprendi nesse último programa da Escola do Amor. Os posts sobre relacionamento sempre estão entre os mais acessados da semana, o que me leva a concluir que tem muitas pessoas com dúvida ou curiosidade sobre assunto, sendo assim postarei mais sobre o assunto. Então fique de olho no blog para conferir.

  Abaixo tem o programa que me deu inspiração para esse post.



  Para descontrair, assista essa paródia do Galo Frito dá música This girl is on fire.


Nenhum comentário:

Postar um comentário