sábado, 22 de setembro de 2012

Só você e Deus


  Há quanto tempo você não se dedica integralmente para Deus? Não fazer coisas só porque as pessoas dizem ser errado e estar no centro da vontade de Deus são maneiras de viver totalmente distintas.

  Nós jovens temos a vida bem agitada, estamos sempre cercados de amigos, mas a quanto tempo você não tem um encontro só você e Deus? Ficamos presos nos afazeres do nosso dia a dia e pouco a pouco vamos nos afastando do centro da vontade Dele e nem percebemos, quando olhamos para trás nos vemos bem distantes do centro, percebemos que estamos vivendo na periferia de sua vontade, agindo por costumes, não bebendo ou ficando com outras pessoas não por amor, mas por costume. Paramos de ler a Bíblia todos os dias, começamos a faltar num culto, e depois outro e outro, orar? Só se for antes de dormir e olhe lá, não pode-se chamar de oração, e sim uma reza, que é automática e já decorada.

  Quantas vezes isso aconteceu com você? Vai vivendo a sua vida, abrindo mão de uma coisa e de outra, e quando vê está muito distante de Deus.

  Quando percebemos isso o nosso coração fica aflito, nos sentimos culpados, envergonhados, arrependidos e a única coisa que conseguimos dizer é "Pai, como pude chegar até aqui? Eu estava tão perto, e agora olha só onde estou! Me ajuda a voltar pra perto de Ti!". Calma querida, isso é um ótimo sinal! Reconhecer que está distante de Deus é o começo para voltar a estar no centro.

  Eu sei como é se sentir assim, e o primeiro passo é deixar que na sua vida seja somente você e o Senhor. O que eu quero dizer com isso? O que nos afasta dEle é o pecado, mas o que nos ajuda a pecar é nos afastar pela nossa rotina ocupada, saideiras com os amigos e até mesmo aquele carinha tão legal que você conheceu, pare com sua rotina, lembra quando era só você e Deus? Você tinha amigos é claro, mas quem era o primeiro a ser procurado quando precisava de um conselho? Qual era o seu primeiro pensamento do dia? Qual era a coisa que te deixava mais feliz no seu dia?

  Entendem o que quero dizer? Temos que voltar a essência, voltar ao primeiro amor. Temos que ser como crianças e voltar a nos surpreender com as coisas do Pai. Como é bom poder descansar no colo do Senhor, estar protegida por Ele, em comunhão!

  Há quanto tempo está vivendo você e seus amigos e não você e Deus?

  Não estou querendo dizer de modo nenhum para se distanciar de seus amigos, não entenda isso, mas o que quero dizer é que as vezes passamos tanto tempo com eles que nos esquecemos do Senhor.

  Arrependa-se, e volte para os caminhos do Pai! Ainda da tempo! E Ele está te esperando de braços abertos.

Jesus continuou: "Um homem tinha dois filhos.
O mais novo disse ao seu pai: ‘Pai, quero a minha parte da herança’. Assim, ele repartiu sua propriedade entre eles.
"Não muito tempo depois, o filho mais novo reuniu tudo o que tinha, e foi para uma região distante; e lá desperdiçou os seus bens vivendo irresponsavelmente.
Depois de ter gasto tudo, houve uma grande fome em toda aquela região, e ele começou a passar necessidade.
Por isso foi empregar-se com um dos cidadãos daquela região, que o mandou para o seu campo a fim de cuidar de porcos.
Ele desejava encher o estômago com as vagens de alfarrobeira que os porcos comiam, mas ninguém lhe dava nada.
"Caindo em si, ele disse: ‘Quantos empregados de meu pai têm comida de sobra, e eu aqui, morrendo de fome!
Eu me porei a caminho e voltarei para meu pai, e lhe direi: Pai, pequei contra o céu e contra ti.
Não sou mais digno de ser chamado teu filho; trata-me como um dos teus empregados’.
A seguir, levantou-se e foi para seu pai. "Estando ainda longe, seu pai o viu e, cheio de compaixão, correu para seu filho, e o abraçou e beijou.
"O filho lhe disse: ‘Pai, pequei contra o céu e contra ti. Não sou mais digno de ser chamado teu filho’.
"Mas o pai disse aos seus servos: ‘Depressa! Tragam a melhor roupa e vistam nele. Coloquem um anel em seu dedo e calçados em seus pés.
Tragam o novilho gordo e matem-no. Vamos fazer uma festa e comemorar.
Pois este meu filho estava morto e voltou à vida; estava perdido e foi achado’. E começaram a festejar.
"Enquanto isso, o filho mais velho estava no campo. Quando se aproximou da casa, ouviu a música e a dança.
Então chamou um dos servos e perguntou-lhe o que estava acontecendo.
Este lhe respondeu: ‘Seu irmão voltou, e seu pai matou o novilho gordo, porque o recebeu de volta são e salvo’.
"O filho mais velho encheu-se de ira, e não quis entrar. Então seu pai saiu e insistiu com ele.
Mas ele respondeu ao seu pai: ‘Olha! todos esses anos tenho trabalhado como um escravo ao teu serviço e nunca desobedeci às tuas ordens. Mas tu nunca me deste nem um cabrito para eu festejar com os meus amigos.
Mas quando volta para casa esse seu filho, que esbanjou os teus bens com as prostitutas, matas o novilho gordo para ele! ’
"Disse o pai: ‘Meu filho, você está sempre comigo, e tudo o que tenho é seu.
Mas nós tínhamos que comemorar e alegrar-nos, porque este seu irmão estava morto e voltou à vida, estava perdido e foi achado’ ". 
Lucas 15:11-32

  Ouçam o louvor abaixo da Nívea Soares, Centro da Tua vontade.


  Deus abençoe a todos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário