domingo, 18 de janeiro de 2015

Comprar ou adotar?

  Há algumas semanas tenho pesquisado sobre os pós e os contras em comprar um animal, pesquisei e entrei em contato com alguns criadores profissionais.

  Faço parte de alguns grupos no Facebook que falam de animais, e o que mais tem me incomodado são dezenas de pessoas que reclamam dos valores de alguns cães de raça de criadores reconhecidos e muitos que dizem ter pago um preço bem menor e chamam os criadores de mercenários e coisas piores.

  O problema é que há uma enorme diferença entre um criador de cães licenciado, do qual trabalha de acordo com a lei, dando uma boa qualidade de vida aos cães, estudando antes de cruzar os animais e que dá acompanhamento veterinário a eles, e há também os cachorreiros, pessoas que criam e vendem animais em fundo de quintal, em péssimas condições e fora da lei.

  Confesso que meus olhos só se abriram para essa triste realidade que vivem os animais à poucos dias quando pesquisava na internet sobre preços de cães e encontrei nos sites da OLX e Mercado Livre anúncios absurdos que me deixaram chocada, tais anúncios trazem fotos de filhotes que da para ver que são criados em meio a sujeira e que provavelmente os donos não entendem e nem pesquisam nada sobre a raça, e é possível encontrar muitas PESSOAS VENDENDO E TROCANDO CÃES ADULTOS e ainda colocando na descrição do anuncio de que eles não são castrados, ou seja, não se importam com os sentimentos do animal ou se ele vai ser usado como uma matriz por alguém sem informação até o animal definhar.

 Para quem não sabe há leis para a doação de animais, entre elas é exigido que o animal esteja castrado justamente para impedir o uso da procriação desenfreada que uma rápida pesquisa na internet pode comprovar.

  Ter um animal de raça que foi concebido e criado em um canil regulamentado é caro mesmo, em minha opinião, adquirir um animal de cachorreiros está colaborando para que tantas histórias de maus tratos aos animais continuem se repetindo.

  Quem não tem dinheiro suficiente para comprar um animal de um criador reconhecido tem a opção de adotar, são milhares de ONGs espalhadas pelo país e há também o Centro de Zoonoses.

  Ao adotar um peludinho você estará dando a ele uma nova chance de ser feliz, não é porque eles não são de raça que não devem ser amados! Aliás, normalmente os cães SRD são bem mais resistentes do que os com pedigree.

  Há muitos cães carentes a espera de um lar, tudo o que eles querem é ter alguém para amar, se você está como eu na dúvida entre comprar ou adotar um cão, o meu voto é para a adoção, pois você estará dando uma nova chance ao animal que provavelmente já foi rejeitado por muitos.

  Para quem é de São Paulo, na próxima semana, nos dias 23,24 e 25 de Janeiro no shopping West Plaza terá uma feira de adoção em parceria com a ONG Clube dos Vira Latas. O horário da feira será de 12hr às 17hr, e para adotar é necessário ter mais de 21 anos, levar RG, comprovante de residência e claro, uma guia.

  No site da Luisa Mel tem uma matéria que mostra a diferença dos cachorros antes de serem adotados e depois, você pode conferir clicando aqui.

  Como muitos já dizem: Adotar é tudo de bom!

  Se você não tem condições financeiras de pagar um bom preço em um cão de raça, adote, vale muito a pena!

  Não estimule esses "cachorreiros" ilegais ou a venda de animais em petshop que ficam expostos em vitrines que mais parecem aquários, adote!


Nenhum comentário:

Postar um comentário