quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Vida de universitário - Parte 1

  Passamos anos e anos imaginando como seria estar na faculdade, imaginamos festas seguidas de festas, romances, grupinhos de amigos super grudados, como se fosse uma extensão da escola porém com mais privilégios que a maioridade proporciona. Doce ilusão! Ou pelo menos eu ainda não consigo visualizar essas coisas nem de longe na vida universitária. Talvez seja culpa dos filmes americanos que mostram somente as festas e bebedeiras desse período da vida, pois vivendo na pele essa fase, ela é bem diferente.

  A vida na universidade é bem diferente, a começar da maioria dos alunos trabalharem, ou seja, deixando pouco tempo para o convívio social com os colegas, festas e bebedeiras. O dinheiro? Xiiii meu caro, se você antes de começar a estudar já reclama do dinheiro estar curto espere até as aulas começarem, o dinheiro da mensalidade não é nada, pior são comprar os livros, o dinheiro que você gasta com xerox e trabalhos, ter que comprar ferramentas que te ajudam a estudar e fazer os trabalhos (Ipad, notebook...), se você já era "duro", irá ficar ainda mais. Prepare-se! Você acha que não tem tempo para nada? Terá que arranjar!

  Um dia desses me perguntaram na sala "mas que horas você estuda?" e eu respondi rindo para não chorar: "sabe aquele período entre as 00hr e as 6 am? Então...". Pois é meus queridos, a vida não está fácil para ninguém.

  Mas calma, essa vida não é ruim, ela é MUITO cansativa (nunca me senti tão cansada em toda a minha vida), mas te proporciona experiências e conhecimento que não tem preço. Como eu sempre digo, as pessoas e circunstâncias podem tirar tudo de você, menos o amor e o conhecimento que você possui, portanto, vale a pena investir neles.

  Ao escrever o título dessa postagem coloquei " Parte 1", pois estou certa de que virão dezenas de outros textos com o mesmo tema, por enquanto é só, pois sou nova nessa fase e ainda não vivenciei muitas coisas, vamos dar tempo ao tempo e assim que tiver um novo tema posto.

  Você que está pensando em se tornar um universitário não se sinta de modo nenhum desencorajado com esse texto, pois estudar da trabalho sim, cansa e você fica na maior "pindaíba", porém vale muuito a pena, aproveite para faze-lo o mais rápido que puder, pois depois que estiver casada e com filhos será muito mais difícil, porém não impossível.

  Quem quer dá um jeito, quem não quer arranja uma desculpa.

  Esse texto foi como um "bate e volta" que conseguir fazer no intervalo entre faculdade e trabalho, como sabem, se dependesse de mim eu cuidaria somente do blog, mas nem tudo são flores na vida, espero que tenham gostado desse "bate e volta" e nos vemos numa próxima.

  Deus abençoe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário